Saúde é um estado de completo bem-estar físico, mental e social, e não apenas a ausência de doença. E para sua saúde, aqui estou para ajudar. Todas as semanas, novos posts são publicados e se algum lhe interessar, contacte para mais informações.

30
Mai 09

Perca um quilo (ou mais) por semana

 
Trata-se de uma dieta hipocalórica variada que consiste em reduzir as calorias de acordo com o gasto metabólico diário, distribuindo, proporcionalmente, os macro e micronutrientes.
 
 
 
A “Dieta Certa” propõe uma ementa que lhe permite emagrecer saboreando pratos apetitosos e simples de preparar para que possa fugir, finalmente, aos tradicionais pratos de dieta: frango grelhado, verduras cozidas, saladas de alface… ao incluir refeições que agradam ao paladar, esta dieta evita o aborrecimento e a falta de motivação, responsáveis pelo fracasso da maior parte das dietas de emagrecimento. Para além disso — e muito importante — as ementas foram definidas de forma a cumprirem as recomendações nutricionais mais saudáveis.
 
Como funciona
A “Dieta Certa” consiste em reduzir, de forma moderada (e não brusca), o fornecimento de calorias ingeridas através dos alimentos, tendo em consideração o total de calorias gastas por dia. As ementas diárias proporcionam uma distribuição adequada dos nutrientes, tanto macronutrientes (hidratos de carbono, gorduras e proteínas) como micronutrientes (vitaminas e minerais).
A distribuição das refeições, os horários e a preparação das ementas podem também ser facilmente adaptados às preferências e ao estilo de vida de cada pessoa.
Para garantir resultados concretos e saudáveis, esta dieta deve ser individualizada, com a ajuda de um especialista, já que cada pessoa precisa de uma determinada ingestão de alimentos em função do seu gasto de energia. E para potenciar a sua eficácia no que diz respeito à perda de peso e, sobretudo, para manter o peso perdido, deve ser complementada com uma actividade física moderada, também individualizada (lembre-se que aquilo que para uma pessoa pode ser uma actividade mínima, como passear, para outra, pode supor um grande esforço devido à sua idade ou à sua condição física). Ao combinar esta dieta com exercício físico, consegue-se modificar os dois lados da balança: a ingestão de calorias (que diminuem) e os gastos calóricos (que aumentam), acelerando a perda de peso.
 
Que resultados consegue
A “Dieta Certa” procura um défice calórico diário de 500 a 1000 calorias, através do qual se consome uma perda de peso de um a dois quilos por semana, no início da dieta, e de 0,5 a 1 Kg, nas semanas seguintes. Para além disso, o que se perde é gordura, não água nem músculo, ao contrário do que acontece com as “dietas milagre” que fazem perder muito peso em pouco tempo. No entanto, os resultados variam de uma pessoa para a outra e estão dependentes de factores como o seguimento rigoroso do plano de refeições, o cumprimento do plano de actividade física ou o historial de dietas de emagrecimento que possa já ter seguido.
 
Decálogo para emagrecer: o que fazer e o que evitar
1.       Estabeleça um peso realista como meta. Se tentar alcançar um objectivo impossível, acabará por desistir.
2.       Concentre-se em adquirir bons hábitos alimentares para manter o peso ideal a longo prazo.
3.       Lembre-se que não há alimentos proibidos nem combinações que engordem mais do que outras. A dieta ideal é aquela que promove a sua saúde.
4.       Evite saltar refeições na expectativa de emagrecer mais rapidamente. É imprescindível fazer, pelo menos, cinco refeições diárias.
5.       Conceda-se um capricho, um dia por semana, para manter a motivação e reduzir a ansiedade pelos alimentos de que mais gosta.
6.       Esqueça, de uma vez por todas, falsos mitos como o de que beber água às refeições ou comer fruta após as refeições engorda.
7.       Não julgue que pode compensar os excessos alimentares com uma maratona de exercício. Uma hora de caminhada queima apenas 250 calorias (meio croissant!).
8.       Lembre-se que o exercício é fundamental para manter a perda de peso. Não deixe de fazê-lo.
9.       Procure o seu peso saudável e não se deixe obcecar por uma magreza impossível, que pode ser perigosa.
10.   Esqueça as dietas milagre e peça orientação ao seu médico.


CHAVES DA DIETA

·         Coma porções pequenas e não salte nenhuma refeição.
·         Não coma mais de 3 peças de fruta (evite frutas em calda) nem mais de 3 iogurtes por dia.
·         Escolha lacticínios sem açúcar e magros.
·         Inicie as refeições sempre com uma sopa de legumes.
·         Se sofrer de prisão de ventre, opte por alimentos com maior conteúdo de fibra, evite farinhas muito refinadas.
·         Utilize azeite para cozinhar e temperar, mas com moderação.
·         Condimente os pratos a seu gosto com sal (em pequena quantidade), pimenta, alho, salsa, limão…
·         Utilize alimentos de conserva que sejam conservados ao natural.
·         Beba 2 litros de água por dia. Em alternativa, prefira chás ou tisanas sem açúcar.
publicado por Flor às 22:30
tags:

Maio 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

11
12
13
15

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
29



arquivos
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO